Links

NOTÍCIAS


ARQUIVO:

 


CÁSSIO MARKOWSKI É O VENCEDOR DO PRÉMIO SOVEREIGN PORTUGUESE ART PRIZE

2023-11-29




A Associação SAF - Sovereign Art Foundation anunciou ontem na Sociedade Nacional de Belas Artes o artista Cássio Markowskio como vencedor do prémio Sovereign Portuguese Art Prize 2023, sendo-lhe atribuído o prémio de 25.000 euros, pela sua obra, 'Conselhos para meu eu quando jovem', de 2022, que retrata as relações familiares, as suas influências e contradições dentro da construção cultural do Brasil. Suscitando um ato de resistência, o artista reflete sobre a ideia da infância, de masculinidade e de identidade nacional.

Cássio Markowski, afirma sobre este prémio: “Receber este prémio é a consolidação de um trabalho que venho realizando nos últimos oito anos. Tenho trabalhado questões políticas e sociais desde um olhar poético, privilegiando o desenho figurativo como forma de expressão estética e também filosófica. A partir de um olhar contemporâneo voltado para a ancestralidade revisito um passado não muito distante para discutir questões relevantes nos dias atuais.”

Além do carácter filantrópico deste prémio, cuja venda das obras será destinada a apoiar crianças desfavorecidas, esta premiação também contribui como plataforma de visibilidade para trabalhos artísticos que a partir de uma ética e uma estética contemporânea possam chegar a mais pessoas.

Cássio Markowski foi nomeado por Howard Bilton, Fundador e Presidente da Sovereign Art Foundation. “Estamos satisfeitos por o prémio ajudar a dar a conhecer melhor o enorme trabalho deste artista. O prémio tem dois objetivos: primeiro, mostrar o melhor da arte portuguesa; e segundo, angariar fundos para ajudar crianças desfavorecidas em Portugal, utilizando a arte como terapia e reabilitação para as que têm dificuldades de aprendizagem ou problemas de comportamento. Os números oficiais sugerem que mais de 20% das crianças portuguesas vivem na pobreza. Já iniciámos aulas de arte em Estremoz para algumas das crianças locais e alargaremos os nossos programas à medida que os meios o permitirem.”, refere Howard Bilton.

O presidente do júri, David Elliott, comentou sobre a obra vencedora que o artista “foi contido nos meios, mas grande na expressividade, refletindo a influência colonial de Portugal de uma forma positiva”.

Um conselho de 25 profissionais independentes no ramo das artes, composto por curadores, colecionadores e académicos, nomeou artistas para concorrer ao Prémio, num total de 200 candidaturas recebidas. 30 artistas foram pré-selecionados por um conceituado painel, incluindo o artista vencedor do ano passado, Jorge Queiroz; João Paulo Queiroz, Presidente da Direção da Sociedade Nacional de Belas Artes; David Elliott, escritor, curador e antigo Diretor Fundador do Mori Art Museum, Tóquio; Maura Marvão, diretora da Phillips em Portugal e Espanha; Vicente Todoli, diretor artístico do Hangar Bicocc; Phillippe Vergne, curador francês e diretor do Museu de Arte Contemporânea de Serralves e Tim Marlow, diretor executivo e diretor do Design Museum, Londres.

A exposição dos finalistas na Sociedade Nacional de Belas Artes, em Lisboa (28 de novembro a 16 de dezembro), convida os visitantes a votar na sua obra finalista favorita para determinar o vencedor de um prémio de dois mil euros do Prémio do Público, que será anunciado no final da exposição.

Todas as obras pré-selecionadas, exceto a vencedora do Grande Prémio, estão disponíveis para compra imediata, com preços que variam entre os 2.500 e os 20.000 euros, cujos valores reverterão para os programas de artes da SAF em benefício de crianças desfavorecidas em Portugal. As receitas de cada obra serão divididas em partes iguais entre o artista e o programa de beneficência, oferecendo aos apoiantes uma oportunidade de se envolverem no mundo da arte contemporânea e adquirirem obras de arte relevantes e com qualidade para investimento, apoiando simultaneamente uma iniciativa local significativa e socialmente responsável.

Os interessados podem garantir a sua peça escolhida na exposição, através do website ou enviando um pedido de informação por email diretamente à SAF: https://www.sovereignartfoundation.com/the-sovereign-portuguese-art-prize/#ViewShortlist


Fonte: Sovereign Art Foundation