Links

Subscreva agora a ARTECAPITAL - NEWSLETTER quinzenal para saber as últimas exposições, entrevistas e notícias de arte contemporânea.



ARTECAPITAL RECOMENDA


Outras recomendações:

CICLO DE CINEMA


ILA BÊKA E LOUISE LEMOINE
Centro Cultural de Belém, Lisboa

MAX E RENÉ Lusco-Fusco


Teatro Praga / Associação A Avó Veio Trabalhar
Polo Cultural Gaivotas | Boavista, Lisboa

Jules et Jim


Jeanne Moreau
Cinema Monumental, Lisboa

A Salto - a Tomada Artística da Cidade de Elvas


Colectiva
Elvas, Elvas

VISITA ORIENTADA À EXPOSIÇÃO



Museu de Serralves - Museu de Arte Contemporânea, Porto

CICLO DE CINEMA


JOSÉ ÁLVARO MORAIS
Museu de Serralves - Museu de Arte Contemporânea, Porto

"das catástrofes às fontes de energia"


Portugal, um retrato ambiental - episódio 2
Círculo Sereia,

Translúcida


Mana Bernardes
Palácio Calheta,

Vontadde Indómita


King Vidor
Cinema Monumental, Lisboa

Dia Calouste Gulbenkian



Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa

ARQUIVO:

O seguinte guia de eventos é uma perspectiva prévia compilada pela ARTECAPITAL, antecipando conferências, seminários, cursos ou outras iniciativas. Envie-nos informação (press-release, programa e imagem) dos próximos acontecimentos. Seleccionamos três eventos periodicamente, divulgando-os junto dos nossos leitores.

 

share |

ALMADA NEGREIROS: UMA MANEIRA DE SER MODERNO

Ciclo de mesas-redondas




FUNDAÇÃO CALOUSTE GULBENKIAN
Av. de Berna, 45 A
1067-001 LISBOA

19 ABR - 30 MAI 2017


A exposição José de Almada Negreiros: uma maneira de ser moderno constitui oportunidade para pensar o que vários artistas e historiadores entenderam por modernismo, quais as diferentes propostas artísticas que se reclamaram parte da modernidade, quais as ligações entre política e arte nos regimes autoritários do século XX e quais as perspetivas que diferentes gerações da comunidade artística, crítica ou de historiadores tiveram sobre os artistas ativos desde o início do século XX. São estes os temas que o ciclo de mesas-redondas se propõe debater. Uma sessão especial, dedicada aos quatro manifestos artísticos escritos por Almada Negreiros, terá lugar na Casa Fernando Pessoa. Este ciclo é organizado pelo Instituto de História da Arte da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.

19 de abril
Os quatro manifestos de Almada Negreiros
Oradores: Antonio Sáez Delgado, Joana Cunha Leal, Mariana Pinto dos Santos, Rita Marnoto, Sara Afonso Ferreira

10 de maio
Modernismos e Estado Novo
Oradores: Gustavo Rubim, Joana Brites, Manuel Deniz Silva

31 de maio
Discursos sobre Almada Negreiros
Oradores: Luís Trindade, Mariana Pinto dos Santos, Osvaldo Manuel Silvestre

A mesa-redonda de 19 de abril realiza-se na Casa-Museu Fernando Pessoa, à mesma hora