Links

Subscreva agora a ARTECAPITAL - NEWSLETTER quinzenal para saber as últimas exposições, entrevistas e notícias de arte contemporânea.



ARTECAPITAL RECOMENDA


Outras recomendações:

AS RAÍZES TAMBÉM SE CRIAM NO BETÃO


Kader Attia
Culturgest, Lisboa

Constelação | Da dobra e do corte


Cutileiro | José Guimarães
Centro Internacional das Artes José de Guimarães, Guimarães

QUERELA


Liz Craft
ZDB - Galeria Zé dos Bois, Lisboa

Oh Fuck Yeah


Colin Ginks
A Montanha, Lisboa

Vaivém


Bruno Pacheco
Galeria Quadrum, Lisboa

Pairar adentro


Inês Teles
Acervo - Arte Contemporânea, Lisboa

Marcas - Obras do Acervo Histórico Videobrasil


COLECTIVA
Hangar - Centro de Investigação Artistica, Lisboa

Uma Loja, Cinco Casas e Uma Escola


Colectiva
Casa Bernardo, Caldas da Rainha

Uma Pequena História da Linha. Seleção de Desenhos da Coleção do Ar.Co


Colectiva
Casa da Cerca - Centro de Arte Contemporânea, Almada

Vistas Inéditas de Portugal


Carlos Relvas (1838 - 1894)
MNAC - Museu do Chiado , Lisboa

ARQUIVO:

O seguinte guia de exposições é uma perspectiva prévia compilada pela ARTECAPITAL, antecipando as mostras. Envie-nos informação (Press-Release e imagem) das próximas inaugurações. Seleccionamos três exposições periodicamente, divulgando-as junto dos nossos leitores.

 


BRUNO PACHECO

Vaivém




GALERIA QUADRUM
Rua Alberto Oliveira nº 52, Palácio dos Coruchéus
1700-019 LISBOA

11 OUT - 13 JAN 2019


Inauguração: 11 de Outubro, pelas 18h, na Galeria Quadrum

Vaivém é a mais extensa apresentação de obras sobre papel do artista Bruno Pacheco até à data. Coincidindo com a reabertura da Galeria Quadrum, em Alvalade, Lisboa, esta exposição conta com cerca de quatro centenas de pinturas que trocam o seu lugar habitual na parede da galeria pelas páginas de dezenas de livros que o visitante será convidado a folhear sem restrições.
O encontro com estas páginas, e com as sequências de peças que nelas se propõem, permitirá mergulhar no universo artístico deste autor e constatar a vitalidade de uma obra cujos rigor, consistência e singularidade vêm conhecendo crescente reconhecimento nacional e internacional.