Links

Subscreva agora a ARTECAPITAL - NEWSLETTER quinzenal para saber as últimas exposições, entrevistas e notícias de arte contemporânea.



ARTECAPITAL RECOMENDA


Outras recomendações:

ARQUIVO DE DESTRUIÇÃO


PEDRO LAGOA
Culturgest, Lisboa

Neste corpo não há poesia


Bárbara Fonte
CAAA - Centro para os Assuntos de Arte e Arquitectura, Guimarães

Público/Privado - Doce Calma ou Violência Doméstica?


COLECTIVA
Centro de Artes de Sines, Sines

The Soft and Weak Are Companions of Life


Zheng Bo
Kunsthalle Lissabon, Lisboa

Pequenas Notas sobre Figuração


Eugénia Mussa, Daniel V. Melim e Thomas Braida
Monitor, Lisboa

Inhale, Exhale (self-breathing kit)


Paulo Arraiano
Travessa da Ermida, Lisboa

Leap of Faith


COLECTIVA
No.No, Lisboa

Homework


COLECTIVA
Madragoa, Lisboa

Como silenciar uma poeta


Susana Mendes Silva
MNAC - Museu do Chiado , Lisboa

Lourdes Castro: A vida como ela é


Lourdes Castro
Museu de Serralves - Museu de Arte Contemporânea, Porto

ARQUIVO:

O seguinte guia de exposições é uma perspectiva prévia compilada pela ARTECAPITAL, antecipando as mostras. Envie-nos informação (Press-Release e imagem) das próximas inaugurações. Seleccionamos três exposições periodicamente, divulgando-as junto dos nossos leitores.

 


COLETIVA

Prémio Sonae




MNAC - MUSEU DO CHIADO
Rua Serpa Pinto, 4
1200-444 LISBOA

28 NOV - 02 FEV 2020


Inauguração: 28 de Novembro, às 19h, no MNAC

Iniciado em 2015, numa profícua e inovadora parceria entre a Sonae e o MNAC com o propósito de distinguir um/a artista, nacional ou estrangeiro residente em Portugal, com idade máxima de 40 anos, o Prémio Sonae Media Art é um indiscutível reconhecimento tendo produzido já dois vencedores — Tatiana Macedo (2015) e Rodrigo Gomes (2017).
O Prémio Sonae Media Art tem já a responsabilidade de uma afirmação artística no panorama das novas linguagens visuais em Portugal, constituindo-se como um importante incentivo ao pensamento e à criatividade.

As propostas inovadoras dos cinco finalistas desta edição - Diogo Tudela, Francisca Aires Mateus, Rudolfo Quintas, o coletivo Berru (Bernardo Bordalo, Mariana Vilanova, Rui Nó e Sérgio Coutinho) e o coletivo constituído por Tiago Martins, João Correia e Sérgio Rebelo - estarão em exposição de dia 29 de novembro até dia 2 de fevereiro do próximo ano.

No dia 4 de dezembro será conhecido o vencedor.

Mais informação: www.museuartecontemporanea.gov.pt/pt/programacao/1901