Exposições anteriores:

2021-06-03


DA TERRA À LUA, A PÉ




2020-10-27


MANOEL BARBOSA: TROUMT




2017-11-09


A SHOW TO MORE VOICES | MOSTRA ESPANHA 2017




2017-09-21


LIGHTS, CAMERA, ACTION - Retratos do Cinema




2015-11-11


GERAÇÃO 2015




2015-09-01


TWIST THE REAL




2015-05-15


ABSOLUTELY + The Pogo Collection_screenings




2014-09-18


Devido à chuva a revolução foi adiada




2014-05-15


ART STABS POWER - que se vayan todos!




2014-03-06


Nós




2013-11-14


MOSTRA ESPANHA




2013-09-26


Dive in




2013-05-30


6749/010.013




2013-03-07


THE AGE OF DIVINITY




2012-11-05


CABEDAL | THE OPERA




2012-09-27


DIG DIG: DIGGING FOR CULTURE IN A CRASHING ECONOMY




2012-06-05


LIMBO




2012-04-12


O PESO E A IDEIA




2011-11-10


SUBTLE CONSTRUCTION | PANÓPTICO




2011-09-29


INFILTRATION // Le privilège des chemins




2011-06-22


AT THE EDGE OF LOGIC




2011-05-04


O QUE PASSOU CONTINUA A MUDAR




2011-03-17


UMA IDEIA NOVA DECLINA-SE FORÇOSAMENTE COM UMA DEFINIÇÃO INÉDITA




2011-01-21


A CORTE DO NORTE




2010-11-20


Pieces and Parts




2010-09-14


Tough Love - uma série de promessas




2010-06-17


De Heróis está o Inferno cheio (Piso 1) / If I Can't Dance, I Don't Want to be Part of your Revolution (Piso 3)




2010-04-07


Marginalia d'après Edgar Allan Poe (Piso 3)/Play Them (Piso 1)




2010-01-18


Objet Perdu




2009-11-12


Colectivo [Kameraphoto] (Piso 1) | VOYAGER (Piso 3)




2009-09-08


HEIMWEH_SAUDADE




2009-05-12


AGORA LUANDA - Kiluanje Liberdade e Inês Gonçalves




2009-03-21


A Escolha da Crítica




2009-01-14


Convite Cordial




2008-11-15


O Contrato do Desenhista - Exposição com curadoria de Paulo Reis




2008-09-15


ALL WORK AND NO PLAY - Exposição Colectiva




2008-06-11


TERRITORIAL PISSINGS - Exposição Colectiva




2008-04-28


NOVAS GEOGRAFIAS, LISBOA | Mónica de Miranda




2008-03-17


uma combinação | Armanda Duarte




2008-01-24


Central Europa 2019




2007-11-22


Video Killed The Painting Stars




2007-09-14


REMOTE CONTROL




2007-06-23


DEBAIXO DO TAPETE




2007-05-02


747.3




2007-03-22


VOYAGE, VOYAGE




2007-03-20


MUXIMA | Alfredo Jaar




2007-01-19


DECRESCENTE FÉRTIL




2006-11-14


SCULP YOUR MIND l MARIAGE BLANC l ANALOGÓNIA




2006-09-26


(RE) VOLVER




2006-06-23


OLHEI PARA O CÉU E NADA VI




2006-05-06


PEDRO LOUREIRO: FOTOGRAFIAS 94-05




  
share |

DA TERRA À LUA, A PÉ


 

 

DA TERRA À LUA, A PÉ

05 Junho–15 Julho 2021

 

A Plataforma Revólver - Independent Art Space apresenta da "Terra à Lua, a Pé", uma exposição coletiva que explora um complexo dispositivo, capaz de mesclar inúmeros meios e técnicas que, no seu conjunto, procurem envolver o espetador num ambiente de cariz exploratório, com abordagem do papel dos artistas, e da arte, em torno de problemas, e acontecimentos genéricos, vigorados e ancorados nas nossas sociedades ditas contemporâneas. Fenómenos político-sociais relevantes e imprevisíveis relacionados com a incessante disseminação de múltiplas e diferentes linguagens que constituem a essência do nosso mundo contemporâneo, e que se manifestam formalmente por entre a essência pictórica, escultórica e instalatória. Propõe-se, deste modo, aos artistas, a possibilidade de se ter uma visão para lá das formas e do aparente reconhecimento dos “objetos” usados, e assim obter outras leituras que sem as quais tornavam este (e outros) Mundo, sem dúvida, mais pobre.

Curadoria Pedro Cabral Santo

 

Da Terra à Lua, a Pé, inclui obras de doze artistas multigeracionais:

João Jacinto, João Queiroz, Mafalda Pilha, Marta Wengorovius, Orlando Franco, Paulo Mendes, Pedro Cabral Santo, Rodrigo Rosa, Ruy Otero, São Trindade, Teresa Carvalho e Tiago Batista.

 

Actividades paralelas à exposição:

Vigésima Oitava Aulas Debaixo das Árvores - com Marta Wengorovius e João Wengorovius Meneses e Paulo Trigo | 17 de Julho às 18.00, na Serra da Arrábida.

Mais informação: Escola Nómada - Um, Dois e Muitos

 

 

COMO VISITAR

Em resposta, ao condicionamento físico a que somos obrigados no âmbito da pandemia que impede o funcionamento regular da Plataforma Revólver, poderá aceder à versão online da exposição, que vai de 5 de Junho a 15 de Julho, através do canal youtube e do site da Plataforma Revólver, que permite a visita virtual da exposição, com comentários do curador Pedro Cabral Santo e dos artistas, com a integração híbrida da experiência digital e física no conceito da exposição.

Devido aos protocolos de segurança atuais da Covid-19, a Plataforma Revólver está atualmente aberta a um número limitado de visitantes mediante reserva e a escolas de arte. A exposição estará aberta de quinta a sábado entre as 15 e as 18:00, com marcação prévia, através do e-mail: plataformarevolver@gmail.com, sujeita à lotação do espaço que implicará todas as medidas de segurança sanitárias necessárias.
Assim que as circunstâncias permitirem um plano de reabertura, que permita o alargamento da lotação das exposições, a Plataforma Revólver reabrirá ao público em ambiente físico sem limitações.

 

 

:::

 


Registe-se para receber os convites das nossas exposições:

Nome:

Email:

Telefone:

Morada:

Localidade:

Código Postal:


Insira os caracteres: