Links

Subscreva agora a ARTECAPITAL - NEWSLETTER quinzenal para saber as últimas exposições, entrevistas e notícias de arte contemporânea.



ARTECAPITAL RECOMENDA


Outras recomendações:

Et sic in infinitum


José Pedro Croft
Museu Arpad Szenes - Vieira da Silva, Lisboa

INTERSECTIO


José de Carvalho e Peter Halley
Fundação Eugénio de Almeida - Centro de Arte e Cultura, Évora

Coleção da Farm Security Administration


COLECTIVA
CEFT — Casa dos Cubos, Tomar

Ninguém termina na ponta dos dedos


Sandra Valle
IMAGO, Lisboa

Vim para enterrar César


Gustavo Sumpta
CAPC - Círculo de Artes Plásticas, Coimbra

A Life on Stage


Peter Wächtler
Culturgest, Lisboa

Paisagem Continuada


Pedro Chorão
Galeria Monumental, Lisboa

OLHAR DE PERTO, PONTO DE INDECISÃO


JÚLIA VENTURA
Galeria Pedro Oliveira, Porto

Diário – dias incertos


Fátima Mendonça
Galeria 111, Lisboa

PARADEISOS


Henrique Vieira Ribeiro
Museu Nacional de História Natural e da Ciência, Lisboa

ARQUIVO:

O seguinte guia de exposições é uma perspectiva prévia compilada pela ARTECAPITAL, antecipando as mostras. Envie-nos informação (Press-Release e imagem) das próximas inaugurações. Seleccionamos três exposições periodicamente, divulgando-as junto dos nossos leitores.

 


COLECTIVA

To Heal / Curar




HANGAR - CENTRO DE INVESTIGAÇÃO ARTISTICA
Rua Damasceno Monteiro, 12
1170-112 LISBOA, PORTUGAL

25 NOV - 23 FEV 2023


INAUGURAÇÃO 25 de Novembro, no Hangar - Centro de Investigação Artística, Lisboa

Artistas: Gabriel Chaile (AR baseado em Lisboa), Dalila Dalléas Bouzar (AL-FR), Andrew Esiebo (NG), Carla Guagliardi (BR/DE) e Ayrson Heráclito (BR).

Curadoria: Gabriela Salgado



:::


Inaugura no próximo dia 25 de outubro, no Hangar - Centro de Investigação Artística, em Lisboa, a exposição coletiva "Heal / Curar", a primeira de três exposições da suite RESTORE, um projeto comissariado por Gabriela Salgado e encomendado pelo Hangar.

A exposição inclui obras de cinco artistas internacionais: Gabriel Chaile, artista argentino sedeado em Lisboa, a pintora argelino-francesa Dalila Dalléas Bouzar, o nigeriano Andrew Esiebo, e os artistas brasileiros Carla Guagliardi e Ayrson Heráclito.

"To Heal / Curar", é uma oferta imaginária que encoraja o bem-estar, articulando um impulso para curar os numerosos males do nosso tempo. Utilizando alegorias, rituais e poéticas visuais, os artistas transmitem múltiplos sistemas de conhecimento, enfatizando o equilíbrio sobre a ansiedade, construindo esperança sobre o desespero e acção positiva contra o agravamento do clima.

Através da fotografia, de esculturas específicas do local, do vídeo e de uma performance recentemente encomendada e de activações colectivas, as obras são estímulos subtis que visam aliviar os efeitos das actuais manifestações de violência, fazendo avançar a capacidade dos seres humanos para se reconstruírem a partir das cinzas.

Esta exposição estará patente até ao dia 23 de fevereiro de 2023.