Links

ENTREVISTA



BRIAN GRIFFIN


Para Brian Griffin, um dos mais importantes fotógrafos da actualidade, a fotografia deve muito ao acaso e à sorte, reconhecendo na pintura muita da sua inspiração. Por ocasião da sua vinda a Lisboa, a Artecapital teve a oportunidade de o entrevistar informalmente.
LER MAIS

O ESTADO DA ARTE



JOSÉ RAPOSO


ARTISTS' FILM BIENNIAL
A segunda edição da Artists' Film Biennial em Londres, dedicada à imagem em movimento, surge num momento de crescente interesse em artistas cujo posicionamento no discurso contemporâneo resulta de uma articulação de tradições estéticas oriundas do cinema.
LER MAIS

João Fonte Santa - O Colapso da Civilização
(+)

PERSPETIVA ATUAL

PAULA PINTO


O TEU CORPO É O MEU CORPO (1965-1975): HISTÓRIA DE UMA OBRA QUE SE METAMORFOSEOU AO LONGO DA BIO-BIBLIOGRAFIA DE ERNESTO DE SOUSA
O TEU CORPO É O MEU CORPO é composto por uma série de documentos que permaneceram inéditos e inacabados no arquivo de Ernesto de Sousa. O presente texto cartografa a história desses documentos, que sem nunca terem existido enquanto obra acabada, se metamorfosearam ao longo da vida-obra ou da bio-bibliografia de Ernesto de Sousa.
LER MAIS


OPINIÃO

MIKE WATSON


Em louvor da beleza
A ênfase do crítico Clement Greenberg na beleza abstracta como a componente específica do artista plástico, que influenciou uma geração de pintores desde Pollock até Rothko, deu lugar desde os anos 1950/60 ao enfoque da arte contemporânea no repensar da sociedade e no papel que a arte tem nela. É raro que um trabalho artístico esteja agora absolutamente desprovido de qualquer conteúdo político, conceptual ou social.
LER MAIS

ARQUITETURA E DESIGN

MARIANA PESTANA E DIOGO AGUIAR


ENTREVISTA A JOSÉ ANTÓNIO PINTO
Esta entrevista a José António Pinto enquadra-se no contexto de um de seis projectos que integram a representação oficial portuguesa na Bienal de Arquitectura de Veneza de 2014. O projecto (concebido e realizado por Mariana Pestana e pelo colectivo LIKEarchitects) incorporou a activação de um edifício devoluto no centro da cidade com o objectivo de reflectir sobre o sintoma da transitoriedade.
LER MAIS

MÚSICA

RICARDO ESCARDUÇA


CARLA BOZULICH E NÓS, SOZINHOS NUMA SALA SOTURNA
Carla Bozulich, nascida em Nova York e residente em Los Angeles, ocupa um lugar assegurado no universo da art-punk. “Boy” dá sequência a uma fascinante trajectória de 30 anos de experimentação, desconstrução e reinvenção, ao longo dos quais fundou e encabeçou inúmeros projectos musicais.
LER MAIS

BLOGSITE EM RESIDÊNCIA

PETER FONDA IN CONVERSATION




“THE CULTURE SHOW” DISCUSSES BANKSY







PREVIEW

31ª BIENAL DE SĀO PAULO


Com 81 projetos e mais de 100 participantes de 34 países, num total de cerca de 250 obras de arte em exibição, a 31 ª Bienal de São Paulo abre a 6 de Setembro para "falar de coisas que não existem".
LER MAIS

EXPOSIÇÕES ATUAIS

HELEN MIRRA

Habitat de Transição


Culturgest, Lisboa
Ao percorrermos as salas da Culturgest em Lisboa, temos em nós um espectador imbuído, cúmplice da obra de Mirra. Nas paredes começamos por vislumbrar algo a que poderíamos chamar uma subtil linha do horizonte, traçada a cerca de metro e meio de altura. Tem em si um universo poético semelhante ao Haiku.
Cláudia Ramos

Petrit Halilaj

I\'m hungry to keep you close. I want to find the words to resist but in the end there is a locked sphere. The funny thing is that you\'re not here, nothing is.


Kunsthalle Lissabon, Lisboa
Nos painéis brancos, outrora formando parte do ninho-gaiola, agora fazendo-nos lembrar voos e camas, estão os vestígios escatológicos de dois canários. Provas de um encontro a dois, com uma certa intimidade, do qual não fizemos parte, mas que podemos reconhecer, através dos restos dos fluidos corporais, agora secos.
LER MAIS Eva Oddo

PIRES VIEIRA

PIRES VIEIRA. ANTOLÓGICA: DA PINTURA À PINTURA.


MNAC - Museu do Chiado , Lisboa
O MNAC-Museu do Chiado recebe aquela que é a primeira retrospectiva de Pires Vieira, focando o seu trabalho de pintura. Tal como indica o título da exposição, é pintura que se volta sobre si mesma, que se descobre através da prática permanente. É pintura que se abre, se dobra, se estende para o chão.
LER MAIS Liz Vahia

Marina Abramovic

512 Hours


Serpentine Gallery, Londres
O site da Serpentine chama-lhe “New Durational Performance by Marina Abramovic”, estratégia de comunicação que nos remete para a capacidade de Marina repetir o acto performático durante dias e semanas, como aconteceu recentemente na retrospectiva sobre a sua obra “The Artist is Present” (2010) no MoMA.
LER MAIS Bárbara Valentina

DENNIS HOPPER

Dennis Hopper: The Lost Album


Royal Academy of Arts, Londres
Com mais de 400 fotografias, a exposição Dennis Hopper: The Lost Album revela o desejo do registro de uma juventude americana dos anos de 1960. O cenário é Los Angeles, a trilha sonora envolve The Byrds, Jefferson Airplane, tudo em preto e branco e um único leitmotiv: liberdade.
LER MAIS Isadora Hofstaetter Pitella

DIOGO PIMENTÃO

Collinear Breath


Galeria Múrias Centeno (Lisboa), Lisboa
Tal como em exposições anteriores, as obras expostas em Collinear Breath revelam uma inquietação permanente em relação à prática do desenho, extrapolando os seus limites e convenções a outras dimensões e processos. Ainda que papel e grafite continuem os materiais por excelência, omnipresentes na prática de Diogo Pimentão, esta supera a simples prática do desenho.
LER MAIS Andreia Poças

YAYOI KUSAMA

Obsessão Infinita


Instituto Tomie Ohtake , São Paulo
Um milhão e meio de visitas. Esse é o público que a exposição Obsessão infinita, de Yayoi Kusama, acumulou nos primeiros 10 meses de itinerância pela América Latina. A mostra reúne, cronologicamente, mais de 100 obras da renomada artista japonesa apresentando claramente três fases de sua dedicação à arte.
LER MAIS Isadora Hofstaetter Pitella