Links

NOTÍCIAS


ARQUIVO:

 


SERRALVES RECEBE CONFERÊNCIA DE HANS ULRICH OBRIST

2016-10-31




Na próxima quinta-feira, 3 de Novembro, às 18h30, terá lugar no Auditório de Serralves uma conferência com Hans Ulrich Obrist, uma das personalidade mais influentes do mundo das artes. Intitulada FAZER LIGAÇÕES NO SÉCULO XXI, esta conferência está integrada no projeto Fórum do Futuro, comissariado pelo Pelouro da Cultura da Câmara Municipal do Porto.

Hans Ulrich Obrist é o curador mais conhecido do mundo, é o diretor das Serpentine Galleries em Londres e foi recentemente considerado pela prestigiada revista britânica ArtReview, no seu ranking anual Power 100, como a pessoa mais influente do mundo da arte. Vem a Serralves no próximo dia 3 de novembro para uma conferência sobre a curadoria de exposições, com moderação da diretora do Museu de Serralves, Suzanne Cotter.

Nas palavras de Hans Ulrich Obrist (1968, Suíça), "o termo ‘curador’ está desgastado pelo uso. Eu prefiro a palavra Ausstellungsmacher (fazedor de exposições) ou o conceito de J.G. Ballard do "fazedor de ligações” — conexões entre objetos, não-objetos e pessoas”. A problematização do sentido e alcance da prática curatorial contemporânea será, assim, o centro deste debate com Obrist.

A entrevista pública e publicada é um dos formatos de eleição de Hans Ulrich Obrist para o apuramento de factos: ficaram célebres as "maratonas” com Rem Koolhaas ou com Olafur Eliasson. Entre o seu trabalho mais recente distingue-se "Extinction Marathon: Visions of the Future” (2014), série de discussões sobre as humanidades e as ciências – áreas a que também se dedica, como na sua série de "entrevistas” com personalidades tão diversas como Peter Cook, Simone Forti e Kim Gordon –, criação conjunta com o artista plástico Gustav Metzger (a partir da sua própria pesquisa sobre assuntos como a extinção das espécies e as alterações climáticas), onde contou com a participação, entre outros, de Gilbert & George, Yoko Ono, Susan Hiller ou Katja Novitskova.

Esta conferência está integrada no programa do Fórum do Futuro, um festival internacional de pensamento que decorre anualmente na cidade do Porto e que tem como principal objetivo reunir convidados de múltiplas disciplinas para refletir sobre questões que importam às sociedades contemporâneas. É uma organização do Pelouro da Cultura da Câmara Municipal do Porto e tem como principais parceiros, além de Serralves, a Casa da Música, o Teatro Nacional São João e a Universidade do Porto.


Mais informação: http://www.serralves.pt/pt/actividades/forum-do-futuro-fazer-ligacoes-no-seculo-xxi-por-hans-ulrich-obrist/?menu=799



Fonte: Serralves