Links

PERSPETIVA ATUAL


Novo New Museum, na Bowery, Lower East Side


New Museum, Piso 0


“Unmonumental”, New Museum (Carlos Bunga em primeiro plano)


“Unmonumental”, New Museum


Rachel Harrison, “Huffy Howler”, 2004


Museum as Hub


Museum as Hub


Vista de downtown, do último andar


John Bock, “Untitled”, 2006

Outros artigos:

2017-11-12


HELENA OSÓRIO


2017-10-09


PAULA PINTO


2017-09-05


PAULA PINTO


2017-07-26


NATÁLIA VILARINHO


2017-07-17


ANA RITO


2017-07-11


PEDRO POUSADA


2017-06-30


PEDRO POUSADA


2017-05-31


CONSTANÇA BABO


2017-04-26


MARC LENOT


2017-03-28


ALEXANDRA BALONA


2017-02-10


CONSTANÇA BABO


2017-01-06


CONSTANÇA BABO


2016-12-13


CONSTANÇA BABO


2016-11-08


ADRIANO MIXINGE


2016-10-20


ALBERTO MORENO


2016-10-07


ALBERTO MORENO


2016-08-29


NATÁLIA VILARINHO


2016-06-28


VICTOR PINTO DA FONSECA


2016-05-25


DIOGO DA CRUZ


2016-04-16


NAMALIMBA COELHO


2016-03-17


FILIPE AFONSO


2016-02-15


ANA BARROSO


2016-01-08


TAL R EM CONVERSA COM FABRICE HERGOTT


2015-11-28


MARTA RODRIGUES


2015-10-17


ANA BARROSO


2015-09-17


ALBERTO MORENO


2015-07-21


JOANA BRAGA, JOANA PESTANA E INÊS VEIGA


2015-06-20


PATRÍCIA PRIOR


2015-05-19


JOÃO CARLOS DE ALMEIDA E SILVA


2015-04-13


Natália Vilarinho


2015-03-17


Liz Vahia


2015-02-09


Lara Torres


2015-01-07


JOSÉ RAPOSO


2014-12-09


Sara Castelo Branco


2014-11-11


Natália Vilarinho


2014-10-07


Clara Gomes


2014-08-21


Paula Pinto


2014-07-15


Juliana de Moraes Monteiro


2014-06-13


Catarina Cabral


2014-05-14


Alexandra Balona


2014-04-17


Ana Barroso


2014-03-18


Filipa Coimbra


2014-01-30


JOSÉ MANUEL BÁRTOLO


2013-12-09


SOFIA NUNES


2013-10-18


ISADORA H. PITELLA


2013-09-24


SANDRA VIEIRA JÜRGENS


2013-08-12


ISADORA H. PITELLA


2013-06-27


SOFIA NUNES


2013-06-04


MARIA JOÃO GUERREIRO


2013-05-13


ROSANA SANCIN


2013-04-02


MILENA FÉRNANDEZ


2013-03-12


FERNANDO BRUNO


2013-02-09


ARTECAPITAL


2013-01-02


ZARA SOARES


2012-12-10


ISABEL NOGUEIRA


2012-11-05


ANA SENA


2012-10-08


ZARA SOARES


2012-09-21


ZARA SOARES


2012-09-10


JOÃO LAIA


2012-08-31


ARTECAPITAL


2012-08-24


ARTECAPITAL


2012-08-06


JOÃO LAIA


2012-07-16


ROSANA SANCIN


2012-06-25


VIRGINIA TORRENTE


2012-06-14


A ART BASEL


2012-06-05


dOCUMENTA (13)


2012-04-26


PATRÍCIA ROSAS


2012-03-18


SABRINA MOURA


2012-02-02


ROSANA SANCIN


2012-01-02


PATRÍCIA TRINDADE


2011-11-02


PATRÍCIA ROSAS


2011-10-18


MARIA BEATRIZ MARQUILHAS


2011-09-23


MARIA BEATRIZ MARQUILHAS


2011-07-28


PATRÍCIA ROSAS


2011-06-21


SÍLVIA GUERRA


2011-05-02


CARLOS ALCOBIA


2011-04-13


SÓNIA BORGES


2011-03-21


ARTECAPITAL


2011-03-16


ARTECAPITAL


2011-02-18


MANUEL BORJA-VILLEL


2011-02-01


ARTECAPITAL


2011-01-12


ATLAS - COMO LEVAR O MUNDO ÀS COSTAS?


2010-12-21


BRUNO LEITÃO


2010-11-29


SÍLVIA GUERRA


2010-10-26


SÍLVIA GUERRA


2010-09-30


ANDRÉ NOGUEIRA


2010-09-22


EL CULTURAL


2010-07-28


ROSANA SANCIN


2010-06-20


ART 41 BASEL


2010-05-11


ROSANA SANCIN


2010-04-15


FABIO CYPRIANO - Folha de S.Paulo


2010-03-19


ALEXANDRA BELEZA MOREIRA


2010-03-01


ANTÓNIO PINTO RIBEIRO


2010-02-17


ANTÓNIO PINTO RIBEIRO


2010-01-26


SUSANA MOUZINHO


2009-12-16


ROSANA SANCIN


2009-11-10


PEDRO NEVES MARQUES


2009-10-20


SÍLVIA GUERRA


2009-10-05


PEDRO NEVES MARQUES


2009-09-21


MARTA MESTRE


2009-09-13


LUÍSA SANTOS


2009-08-22


TERESA CASTRO


2009-07-24


PEDRO DOS REIS


2009-06-15


SÍLVIA GUERRA


2009-06-11


SANDRA LOURENÇO


2009-06-10


SÍLVIA GUERRA


2009-05-28


LUÍSA SANTOS


2009-05-04


SÍLVIA GUERRA


2009-04-13


JOSÉ MANUEL BÁRTOLO


2009-03-23


PEDRO DOS REIS


2009-03-03


EMANUEL CAMEIRA


2009-02-13


SÍLVIA GUERRA


2009-01-26


ANA CARDOSO


2009-01-13


ISABEL NOGUEIRA


2008-12-16


MARTA LANÇA


2008-11-25


SÍLVIA GUERRA


2008-11-08


PEDRO DOS REIS


2008-11-01


ANA CARDOSO


2008-10-27


SÍLVIA GUERRA


2008-10-18


SÍLVIA GUERRA


2008-09-30


ARTECAPITAL


2008-09-15


ARTECAPITAL


2008-08-31


ARTECAPITAL


2008-08-11


INÊS MOREIRA


2008-07-25


ANA CARDOSO


2008-07-07


SANDRA LOURENÇO


2008-06-25


IVO MESQUITA


2008-06-09


SÍLVIA GUERRA


2008-06-05


SÍLVIA GUERRA


2008-05-14


FILIPA RAMOS


2008-05-04


PEDRO DOS REIS


2008-04-09


ANA CARDOSO


2008-04-03


ANA CARDOSO


2008-03-12


NUNO LOURENÇO


2008-02-25


ANA CARDOSO


2008-02-12


MIGUEL CAISSOTTI


2008-02-04


DANIELA LABRA


2008-01-07


SÍLVIA GUERRA


2007-12-17


ANA CARDOSO


2007-12-02


NUNO LOURENÇO


2007-11-18


ANA CARDOSO


2007-11-17


SÍLVIA GUERRA


2007-11-14


LÍGIA AFONSO


2007-11-08


SÍLVIA GUERRA


2007-11-02


AIDA CASTRO


2007-10-25


SÍLVIA GUERRA


2007-10-20


SÍLVIA GUERRA


2007-10-01


TERESA CASTRO


2007-09-20


LÍGIA AFONSO


2007-08-30


JOANA BÉRTHOLO


2007-08-21


LÍGIA AFONSO


2007-08-06


CRISTINA CAMPOS


2007-07-15


JOANA LUCAS


2007-07-02


ANTÓNIO PRETO


2007-06-21


ANA CARDOSO


2007-06-12


TERESA CASTRO


2007-06-06


ALICE GEIRINHAS / ISABEL RIBEIRO


2007-05-22


ANA CARDOSO


2007-05-12


AIDA CASTRO


2007-04-24


SÍLVIA GUERRA


2007-04-13


ANA CARDOSO


2007-03-26


INÊS MOREIRA


2007-03-07


ANA CARDOSO


2007-03-01


FILIPA RAMOS


2007-02-21


SANDRA VIEIRA JURGENS


2007-01-28


TERESA CASTRO


2007-01-16


SÍLVIA GUERRA


2006-12-15


CRISTINA CAMPOS


2006-12-07


ANA CARDOSO


2006-12-04


SÍLVIA GUERRA


2006-11-28


SÍLVIA GUERRA


2006-11-13


ARTECAPITAL


2006-11-07


ANA CARDOSO


2006-10-30


SÍLVIA GUERRA


2006-10-29


SÍLVIA GUERRA


2006-10-27


SÍLVIA GUERRA


2006-10-11


ANA CARDOSO


2006-09-25


TERESA CASTRO


2006-09-03


ANTÓNIO PRETO


2006-08-17


JOSÉ BÁRTOLO


2006-07-24


ANTÓNIO PRETO


2006-07-06


MIGUEL CAISSOTTI


2006-06-14


ALICE GEIRINHAS


2006-06-07


JOSÉ ROSEIRA


2006-05-24


INÊS MOREIRA


2006-05-10


AIDA E. DE CASTRO


2006-04-20


JORGE DIAS


2006-04-05


SANDRA VIEIRA JURGENS


share |

NOVO NEW MUSEUM



ANA CARDOSO

2007-12-17




O novo New Museum, desenhado por Kazuyo Sejima e Ryue Nishizawa, da firma japonesa Sanaa, inaugurou na Bowery, no Lower East Side. Na manhã de quinta-feira, 29 de Novembro, para os jornalistas, quando ainda se acabava a montagem; nessa mesma noite para o mundo da arte; e na sexta-feira para os financiadores do museu – os trustees e os donors (entre os quais se incluem Maria e João Rendeiro). No domingo, dia 1 de Dezembro, o museu abriu portas durante trinta horas consecutivas, sem fechar, para o público em geral. Conheci o museu mesmo a estrear quando só lá estavam empregados, comissários e directores. Tomei um café com o Miguel Amado (é Curatorial Fellow do New Museum) na cafetaria New Food, sentámo-nos em cadeiras todas diferentes, de Franz West e designers e conversámos sobre a agenda do museu.


Na entrada ampla, para além da cafetaria, está a loja do museu (New Museum Store) e ao fundo uma galeria separada do resto do espaço por uma parede de vidro, onde sete ecrãs de plasma bastante afastados entre si mostram a peça “Black on White, Gray Ascending” (2007), uma animação de texto que passa ininterruptamente, de Young-Hae Chang Heavy Industries.


Nas galerias dos três pisos superiores está instalada a exposição inaugural “Unmonumental: The Object in the 21st Century” – que dedica a primeira parte de “Unmonumental: An Exhibition in Four Parts” a objectos feitos sobretudo de justaposições e relativamente precários. O New Museum expõe unicamente arte contemporânea e esta exposição – “Unmonumental” – situa-o numa estratégia global, propondo arte que se opõe ao caminho modernista pela atitude fragmentária e não impositiva, aparentemente transitória ou propositadamente frágil, e sobretudo mais complexa. Os três pisos estão cheios de objectos, o que a alguns parece demais e a outros (como a mim) revelou apenas as dimensões modestas do espaço arquitectónico. O edifício que de fora parece bastante amplo, talvez pelo equilíbrio em altura da sua construção, feita em cubos sobrepostos, deslocados e forrados homogeneamente por uma malha metálica é, no interior dos andares onde se situam as galerias sem divisões, muito menos impressionante, mas harmonioso no seu despojamento e nos materiais sólidos e sóbrios.


Um dos aspectos mais interessantes da programação de “Unmonumental” é o facto de cada parte ser uma camada que se acrescenta à precedente. A exposição funciona na dinâmica dos seus pressupostos de colagem, montagem e experimentação, enchendo o espaço até à exaustão. “Collage: The Unmonumental Picture”, em Janeiro, vai forrar as paredes das galerias, que actualmente estão cheias de objectos, sem os retirar. Em Fevereiro será “The Sound of Things: Unmonumental Audio”. O som será também acrescentado às galerias e “Montage: Unmonumental Online”, material apropriado e remisturado para a web, estará disponível em Rhizome.org/montage.


Na exposição inaugural de objectos, comissariada por Massimiliano Gioni, Richard Flood e Laura Hoptman, encontra-se um português, Carlos Bunga, com três mesas IKEA onde estão colados em estilo miniatural os seus bocados de cartão geralmente arquitectónicos, mais envolventes e representativos. É interessante ver o seu processo adaptado ao fabrico de pequenos objectos, peças fetiche, sobretudo no contexto desta exposição que pretende mostrar o processo obsessivo que leva os artistas a fabricar esculturas, ou totems dadaístas. Podemos ver peças de Claire Fontaine, Rachel Harrison, Marc André Robinson, Urs Fisher, Carol Bove, John Bock, Jim Lambie, Rebecca Warren, Manfred Pernice, Isa Genzken, Sam Durant, Shinique Smith, Gedi Sibony, Sarah Lucas, Anselm Reyle, entre outros, contando-se ao todo trinta artistas.


Quando entramos no primeiro piso da exposição, a sensação é de estranheza. É esse o objectivo desta exposição de escultura, que pretende mostrar a reinvenção contemporânea da assemblage – assaltar, invadir, chamar a atenção, competir, revelar conflitos, desigualdades, complexidades, falhas. Muitas peças são feitas de materiais recuperados, de detritos, outras de materiais provisórios, precários e manifestamente em decomposição. Há uma sugestão de declínio no contexto geral das obras, mas um declínio activo – com ansiedade, hostilidade e urgência na junção das partes, na colagem, na oposição e no atrito. Cada peça é um mundo que assume o modernismo em diferentes perspectivas, sem nunca o ter como ponto assente.


À medida que nos enquadramos e subimos às galerias dos pisos superiores, começamos a descobrir nas esculturas-objectos relações muito interessantes, tanto entre si como em si próprias. São esculturas complexas, de significados cruzados e que se formam por necessidade. Não são de facto monumentos à forma, à clareza racional ou à beleza clássica. São peças mais temporais que intemporais, como é a escultura de Urs Fischer, uma mulher feita de cera – uma vela – que irá derreter ao longo da exposição e deixar só uma poça de cera no chão. Em todas as peças há a iminência do desaparecimento, porque também estão, neste momento, num contexto de excepcional visibilidade.


É fantástica a escolha das peças, assim como a densidade da exposição, porque nos faz descobrir lentamente relações imprevistas. Embora possamos não gostar de tudo, a seriedade íntima e política das obras, que não são simples piadas e o peso da sua matéria, fazem-nos querer mais, envolvem-nos numa rede narrativa. O que à primeira vista poderia parecer uma cacofonia, revela-se exactamente o oposto, uma estrutura de ideias que se materializaram, frágil e transitória mas onde não há símbolos vazios.


Por cima das galerias está o andar com o nome Museum as Hub – é o andar educativo, com acesso a material de projecção, online, visual e escrito (Resource Center). Nas paredes está instalada, entre outros materiais multimedia, uma série documental de Martha Rosler sobre o bairro onde se situa o museu, o Lower East Side – uma zona em transformação, dada a especulação imobiliária feroz que existe em Manhattan. Neste andar irá ter lugar a nightschool, um projecto de Anton Vidokle (fundador da e-flux e da unitednationsplaza) que adopta a forma de uma escola temporária, durante o ano de 2008. Os seminários serão dados por Martha Rosler, Walid Raad & Jalal Toufic, Paul Chan, Maria Lind, Owkui Enwezor e Rirkrit Tiravanija, entre outros, e concorre-se para participar até 15 de Dezembro, no site do New Museum.


Finalmente o último andar, aquele de que todos gostam – uma enorme sala de festas com uma varanda em volta – e uma vista linda que vai da zona baixa da Bowery e do Soho até aos edifícios altos de City Hall.



Ana Cardoso